Sara Sampaio revela como se tornou anjo da Victoria’s Secret

Por [email protected] -

Sara Sampaio, atualmente com 24 anos, entrou, este ano, para o grupo restrito das modelos da Victoria’s Secret. Num vídeo da marca, a portuense revela como conseguiu alcançar o sucesso.

Foi em 2007 ao ganhar o concurso cabelo Pantene que tudo começou para Sara Sampaio. Desde então, o currículo desta bela portuense só conta com sucessos somados, alguns difíceis de obter, mas não impossíveis.

Sara Sampaio, após alguns anos a dar o corpo para campanhas fotográficas da Victoria’s Secrets, mais concretamente da linha VS Pink, eis que, este ano, alcançou a proeza de entrar no grupo restrito dos anjos da marca. Mas como é que terá sido todo este percurso? A manequim partilhou com os fãs num vídeo da marca.

PUBLICIDADE

Nem tudo foi um mar de rosas para a jovem portuense. “A primeira vez que fui para o casting para o desfile, não ia bem preparada”, afirma Sara Sampaio. Porém, no ano seguinte, a manequim tentou de novo. Mas parece que, à segunda, não foi de vez: “Na segunda vez, pensei que ia conseguir, mas não consegui. Isso partiu-me o coração”. Contudo, nada fez demover a manequim, pelo contrário, só lhe deu mais alento: “Então, eu trabalhei arduamente para a minha terceira tentativa. Não lhes dei qualquer desculpa para não me escolherem. Garanti que o meu corpo estava ‘no ponto’, treinei o meu desfile e deixei as inseguranças à porta”.

Depois de tanto persistir, Sara conseguiu o contrato com que sempre sonhava. “Parece que correu bem, pois vou desfilar este ano [2015]”, diz a manequim com a sua boa disposição habitual. Quando soube, a portuense nem quis acreditar, pois “eu venho de Portugal e não há muitos modelos que vêm de Portugal”.

Uma jovem portuense que se dedica à blogosfera na área da moda desde 2009. Entre as suas qualidades destacam-se a persistência, a força de vontade, o empenho e a vontade de trabalhar e inovar, pelo que não recusa uma boa e alucinante aventura no desconhecido.

!-- Lista de tags para el sitio P_portaldosprogramas, Formato "Estándar (generic call)" -->